Conteúdo da Notícia

“Nossos juízes estão produzindo mais”, destaca corregedor-geral durante o 77º Encoge

“O Estado do Ceará não tem mais magistrados que trabalham apenas de terça a quinta-feira. Nossos juízes estão produzindo mais e realizando o seu mister de segunda a sexta”, declarou o corregedor-geral da Justiça, desembargador Francisco Darival Beserra Primo, durante o 77º Encontro do Colégio Permanente de Corregedores-Gerais (Encoge), que está acontecendo em Belém, no Pará, e se encerra nesta sexta-feira (23/03). O corregedor está acompanhado dos juízes auxiliares Gúcio Carvalho Coelho e Roberto Soares Bulcão Coutinho.

A abertura do evento ocorreu nessa quarta-feira (21). Entre os palestrantes está o ministro do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), João Otávio de Noronha (corregedor nacional de Justiça). Durante apresentação, ele cobrou a presença dos magistrados em suas unidades judiciais e enfatizou que a produtividade é essencial para a prestação jurisdicional. Também reconheceu a importância de uma boa relação entre juízes, partes, advogados e Ministério Público. O ministro recomendou ainda que os juízes devem ser orientados e receber o apoio do Poder Judiciário.

Esta edição está debatendo assuntos como a interdição de estabelecimentos prisionais, a fiscalização do serviço extrajudicial e a otimização da judicialização da saúde.

ENCOGE

O Encoge é realizado desde 1994 pelo Colégio Permanente de Corregedores, que é uma associação sem fins lucrativos, de âmbito nacional, integrada pelos corregedores-gerais dos 27 Tribunais de Justiça.